Um regresso ao passado?

Posted: 18 de Julho de 2009 by Ricardo Gouveia in Uncategorized

“Não há lugar a discriminação, mas sim a “selecção“. “Por razões anatómicas, os homens estão mais expostos a doenças graves que possam ser transmitidas” e têm “maior prevalência de agentes patogénicos que podem provocar doenças graves por transfusão de sangue”.

Gabriel Olim, presidente do Instituto Português do Sangue (JN, 18/7/2009)

Os argumentos que justificam o absurdo deste argumento estão bem explicados nesta notícia.

O que me parece ainda mais preocupante é o argumento que o presidente do Instituto Português do Sangue utiliza para sustentar a sua posição…  a “selecção” e a “discriminação” fazem-me lembrar algumas teorias eugenistas muito em voga nos anos 30 do séc. XX…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s